VERMELHO: A cor da paixão

Por Ana Paula Marques

Em qualquer lugar do mundo, em todas as culturas, o vermelho é a cor da intensidade. Na guerra ou no amor, as emoções mais variadas vêm na cor rubra em seus diferentes tons. E não é à toa que o vermelho nunca passa despercebido. É a cor da boca e do coração, além de ser ícone de feminilidade. Isso não significa que não possa, também, representar a masculinidade em suas mais variadas formas. Que homem nunca sonhou em ter uma Ferrari vermelha? Aprenda com o Mudo Minha Casa a decorar seu lar com a cor do pecado.

Para destacar os elementos decorativos do ambiente, o indicado é utilizar cores contrastantes. O vermelho cria bons diálogos com o verde, desde que você não tenha medo de ser ousado. O feito criado por essa combinação impressiona quem entra no ambiente e dá muita personalidade ao espaço.

Para criar ambientes equilibrados e suaves, é recomendado utilizar combinações tom sobre tom. Nesse contexto é possível perceber a elegância do espaço. O ideal é caprichar nos elementos decorativos, para dar vida ao ambiente e evitar que ele caia na monotonia.

Caso você prefira evidenciar que o protagonista da sua casa é a cor vermelha, o mais indicado é deixar que ela brilhe sozinha. Utilize tons neutros e claros no ambiente e finalize a decoração com algum elemento vermelho vibrante.